Fones de ouvido
Publicidade

Por Rubens Achilles, da Redação

Divulgação/Razer

O Kraken V3 HyperSense é um headset gamer com fio da Razer que traz uma forte promessa de imersão em jogos. O modelo conta com uma tecnologia de feedback sensorial que faz o fone vibrar junto com o conteúdo que reproduz. Além disso, seus drivers de 50 mm e a tecnologia de áudio espacial da THX prometem um som 7.1 realista durante a jogatina.

O fone se conecta à fonte de áudio via cabo USB e é compatível oficialmente com PC, além de consoles PlayStation e Nintendo Switch. Ele tem preço sugerido de R$ 1.499. Testei o Kraken V3 HyperSense ao longo dos últimos meses em um PS5 e trago, a seguir, as minhas principais impressões.

Razer Kraken V3 HyperSense é um headset com feedback tátil — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

Design

O Kraken V3 HyperSense traz um design bastante robusto, com algumas partes em metal, que garantem resistência ao conjunto. As almofadas são bastante confortáveis, com um acolchoamento que também contribui para o isolamento de ruídos externo. É comum que headsets over-ear tragam algum incômodo causado pela pressão nas orelhas, após longos períodos de uso. O conforto do Kraken faz com que essa sensação demore a chegar.

Quando o headset está ligado, suas conchas são iluminadas por um sistema RGB, que vai alternando sua cor única para exibir a logomarca da Razer. O resultado é um visual elegante durante o jogo, especialmente em ambientes com mais produtos gamer que possuam enfeites similares.

O modelo possui um fio de extremidade USB-A, que deve ser ligado à origem do áudio. O material do cabo é bem reforçado, assim como o próprio microfone, que é removível e pode ser guardado separadamente. O fio ainda possui um pequeno prendedor acoplado, para que ele não fique espalhado pelo chão ou possa ser armazenado de forma organizada.

Kraken V3 HyperSense vem com prendedor para o cabo USB-A — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

Qualidade do som

Não se pode negar que o Kraken V3 HyperSense tem um som de bastante respeito. Com drivers TriForce Titanium de 50 mm e tecnologia de áudio espacial da THX, a experiência sonora é bastante agradável, com equilíbrio nas mais diversas frequências. A identificação de sons de passos e similares, muito importante para gamers de FPS e outros jogos de ação, também foi bem percebida durante o meu teste.

Outro item fundamental para quem joga muito em modo multiplayer, a percepção de posição dentro do ambiente também surpreendeu positivamente. Durante partidas de Call of Duty: Black Ops Cold War, por exemplo, foi possível ter a sensação de outros jogadores arremessando objetos atrás de mim.

Para música, talvez um fone de alta fidelidade seja uma opção melhor. Além disso, por se tratar de um modelo com fio de extremidade USB-A, não será possível utilizá-lo em dispositivos como celulares. Mesmo assim, ouvir música diretamente no PS5, via Apple Music, foi uma experiência agradável. O recurso de feedback sensorial, no entanto, não combinou muito — é possível desativá-lo.

Feedback tátil do Kraken V3 HyperSense pode ser desativado — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

Recursos

Este tópico merece ser dedicado na íntegra ao HyperSense. Carro-chefe do headset, o recurso de feedback sensorial tem promessa de imersão sonora durante a jogatina. Ele tem três níveis de intensidade. Nos meus testes, quase sempre optei pelas intensidades baixa e média — a alta acaba vibrando demais, o que incomoda depois de um tempo.

A troca é feita por meio de um botão na concha direita do fone. Ele emite um som mais agudo a cada troca, e uma outra variação para indicar que o recurso foi desligado. Não é preciso que o jogo seja compatível com a tecnologia. Qualquer áudio reproduzido pelo Kraken V3 HyperSense em um dispositivo compatível pode receber o feedback sensorial.

De fato, o feedback é um extra que pode agradar alguns jogadores, mas não é exatamente algo que prometa melhorar a sua performance no jogo — para isso, é importante ouvir bem os adversários e identificar a origem dos barulhos. Para quem procura todos os recursos do fone, mas sem a tecnologia de feedback, existe o Kraken V3 simples, que foi lançado com preço sugerido de R$ 999.

Razer Kraken V3 HyperSense funciona no Xbox, mas sem feedback sensorial — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

Compatibilidade

Aqui um ponto delicado. Oficialmente, a Razer garante a compatibilidade com PC e consoles PlayStation e Nintendo Switch. Questionei a fabricante sobre o funcionamento em consoles Xbox Series X/S. O headset funciona nos consoles da Microsoft, mas o feedback tátil está restrito a computadores, Nintendo Switch e os consoles da Sony.

Alguns usuários de fóruns como o Reddit recomendam que consumidores evitem os headsets com a tecnologia no Xbox, alegando alguns problemas de uso. A versão mais simples do Kraken V3, sem o HyperSense, pode ser uma pedida mais interessante para donos do console da Microsoft, que não terão como aproveitar a funcionalidade.

Kraken V3 HyperSense tem preço sugerido de R$ 1.499 — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

Preço e custo-benefício

O Kraken V3 HyperSense foi lançado no Brasil em janeiro de 2022 com o preço sugerido de R$ 1.499. O preço é elevado, já que estamos falando de um produto premium. Quem desejar mais praticidade pode ter todos os recursos aqui listados em um modelo sem fio, o Kraken V3 Pro, que tem preço sugerido de R$ 1.999. Como mencionado anteriormente, o Kraken V3 padrão, que também tem fio e não conta com feedback sensorial, teve preço de lançamento de R$ 999.

Quem estiver disposto a investir esses valores não deve se arrepender. Para os gamers que procuram opções mais em conta, naturalmente sem o feedback tátil, a própria Razer tem, no mercado, modelos mais básicos. O Kraken X Lite também promete áudio 7.1 e pode ser encontrado na Amazon por R$ 221. Já o Cloud Stinger Core, da concorrente HyperX, é visto por R$ 149. O TechTudo tem uma lista com sete modelos para comprar em 2022.

8.7

Pode valer, mas...

Recurso de feedback tátil proporciona imersão, mas não é primordial. Qualidade do áudio é respeitável. Falta de compatibilidade com Xbox é o ponto fraco.
Design
9.5
Qualidade do som
10
Recursos
9
Compatibilidade
7
Preço e custo-benefício
8

Com informações de Reddit

No vídeo abaixo, veja chefões que todo gamer passou muita raiva para matar

Chefões que todo gamer passou muita raiva para matar

Chefões que todo gamer passou muita raiva para matar

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques. Os valores indicados no texto são referentes ao mês de agosto de 2022.

Mais do TechTudo